A gente adora responder TAGs, então nos divertimos pensando em quais exercícios físicos escolheríamos para amar, suportar ou preferir morrer a praticá-los. Hehehe.

E aí, você concorda com as nossas escolhas? 🙂

ana

31 anos, do Grande ABC Paulista, diretora de arte. Quando criança nadou e jogou futebol, mas parou com tudo na adolescência. Só voltou a se...

>> Veja mais posts dessa autora

Conversamos com a Dra. Maria Fernanda Elias para saber mais sobre a Vitamina D, aquela vitamina que sempre lembramos quando tomamos um solzinho. A entrevista é super esclarecedora e soluciona de uma vez por toda a dúvida sobre protetor solar x vitamina D, dentre outras.

 

vitamina-d-importancia

AD – Dos últimos 10 anos para cá, houve um aumento no número de estudos sobre a vitamina D?
Dra. Maria Fernanda: Sim, o número de estudos sobre a Vitamina D vem aumentando a cada ano, dado o número de evidências que associam esse nutrientes a diferentes benefícios de saúde. De acordo com a base de dados científicos PubMed, a quantidade de estudos publicados com o termo “Vitamina D” no título foi 1.675 em 2005 e 4.229 em 2015. Um aumento bastante expressivo.

AD – Quais as principais funções da vitamina D?
Dra. Maria Fernanda: Tradicionalmente, a vitamina D tem sido intimamente associada à saúde óssea e melhora da densidade mineral óssea por meio da absorção e deposição de cálcio. Ela é necessária para prevenir o raquitismo em crianças, enquanto que, nos adultos, valores baixos contribuem para a osteomalacia, osteoporose e risco de fraturas. A osteoporose é, muitas vezes, chamada de a “doença silenciosa”, uma vez que geralmente se manifesta sem sintomas e não é diagnosticada até a primeira fratura.
Além disso, a vitamina D desempenha um papel importante na redução do risco de quedas ao aumentar a força muscular. A prevenção de quedas oferece benefícios psicológicos importantes para os idosos e ajuda a reduzir as fraturas osteoporóticas.
Novos estudos mostram resultados promissores sobre o papel da vitamina D no fortalecimento do sistema imunológico e redução do risco de esclerose múltipla e diabetes tipo 1. Evidências sugerem também que níveis de vitamina D abaixo do ideal na infância resultam no endurecimento das artérias e representam um possível fator de risco para doenças cardiovasculares em adultos.

AD – Quais os prejuízos a falta de vitamina D pode trazer para a saúde?
Dra. Maria Fernanda: A carência de vitamina D está associada ao aumento do risco de doenças crônicas não comunicáveis, incluindo: osteoporose, diabetes, doenças cardiovasculares e câncer. Além dos prejuízos diretos para a saúde, a insuficiência de vitamina D é um importante problema de saúde pública, tanto no mundo em desenvolvimento quanto no industrializado, já que níveis baixos do nutriente têm um impacto significativo nos custos de assistência médica. Os resultados de um estudo publicado em 2009 concluiu que a diminuição total dos custos de saúde pública na União Europeia, caso a deficiência de vitamina D fosse totalmente eliminada, seria de € 187 bilhões anualmente.

AD – Onde podemos encontrar a vitamina D?
Dra. Maria Fernanda: As principais fontes alimentares de vitamina D são os alimentos do grupo do leite, queijo e iogurte. Entretanto, a vitamina D desses alimentos é pré-formada, sendo necessária a exposição aos raios solares para que ela seja convertida na forma que poderá ser aproveitada pelo organismo. Ou seja, não adianta a pessoa consumir alimentos fontes de vitamina D se não tomar sol todos os dias, sem protetor solar, de 15 a 30 minutos. Mas, por outro lado, a vitamina D3, que é usada em suplementos nutricionais e para enriquecer os alimentos, já está na forma ativa e não precisa ser convertida. Essa é a grande vantagem em consumir suplementos de vitamina D ou produtos fortificados com o nutriente, como leite, pão, iogurte, suco, cereais matinais etc.

AD – Existe alguma idade específica onde o nível de vitamina D tende a diminuir?
Dra. Maria Fernanda: Níveis baixos de vitamina D estão associados aos hábitos alimentares e estilo de vida das populações. Ou seja, tipo de alimentos que são consumidos, inclusão ou não de suplementos de vitamina D (ou multivitamínicos) e exposição ou não aos raios UVB.

AD – O uso de protetor solar prejudica a absorção da vitamina D através da exposição solar?
Dra. Maria Fernanda: Sim, com certeza. O protetor solar bloqueia os raios UVB impedindo a conversão da vitamina D para a forma que será usada pelo organismo. Mas, o uso do filtro solar é extremante importante e recomendo pelos médicos. Por isso, é importante lançar mão de produtos enriquecidos com vitamina D e dos suplementos alimentares, pois, como eu disse anteriormente, eles já contém a forma convertida da vitamina D, não necessitando de exposição ao sol para que ela seja aproveitada.

AD – Quando e por que fazer suplementação de Vitamina D?
Dra. Maria Fernanda: A suplementação de vitamina D pode ser feita para corrigir ou prevenir deficiências nutricionais, com impacto direto na manutenção da saúde.

AD – A resposta do organismo a suplementação costuma ser rápida?
Dra. Maria Fernanda: Os estudos de biodisponibilidade da vitamina D em suplementos são positivos, indicando que o organismo aproveita o nutriente de maneira eficaz. A vantagem é que o uso da vitamina D3 não requer exposição ao sol.

vitamina-d-importancia

AD – O excesso de vitamina D pode trazer algum prejuízo à saúde?
Dra. Maria Fernanda: Assim como água e alimentos em excesso fazem mal, o uso em excesso de vitamina D também pode trazer prejuízos à saúde. Por isso, em caso de dúvida, converse sempre com um médico ou nutricionista.

AD – Quais são os prejuízos à saúde que o excesso de vitamina D pode causar?
Dra. Maria Fernanda: A vitamina D, assim como as vitaminas A, E e K, é um nutriente lipossolúvel. O excesso não é expelido pelo organismo, como ocorre com as vitaminas hidrossolúveis, podendo acarretar acúmulo e toxicidade. Entretanto, volto a frisar que o grande problema global atual é a carência de vitamina D e não o excesso.

AD – Quando devemos fazer exame para acompanhar o nível de vitamina D?
Dra. Maria Fernanda: Dada a alta prevalência de deficiência de vitamina D no mundo, os exames de acompanhamento e prevenção devem ser feitos em todas as fases da vida, incluindo infância.

 

maria-fernanda-elias

Sobre a Dra. Maria Fernanda Elias

Nutricionista, Mestre em Saúde Pública e Doutora em Ciências pela USP. Gerente de Comunicação de Nutrição & Saúde Humana da DSM para América Latina.

 

 

 

juliana

35 anos, Paulistana de coração há 14 anos. Analista Financeiro, mãe de 2 lindezas. Já treinou Vôlei, Tae Kwon Do, tentou natação, judô, tem a...

>> Veja mais posts dessa autora

Oooopa, mais um vídeo sobre os produtos que temos usado muuuuito nos últimos três meses. Dessa vez fizemos listinha pra ficar mais fácil de você encontrar:

ad-favoritos-set16

01 – Sabonete Esfoliante Hidraderm (pra quem tem Armarinhos Fernando por perto, sugiro comprar lá que é mais barato) | 02 – Neutralizador de odores Gota Mágica | 03 – Pasta de dente Orgânico Natural | 04 – Shampoo e Condicionador Pink Cheeks | 05 – Personal Blender Mondial | 06 – Regatas Under Armour

Também queremos saber: quais produtos você tá curtindo? Indica pra gente!

ana

31 anos, do Grande ABC Paulista, diretora de arte. Quando criança nadou e jogou futebol, mas parou com tudo na adolescência. Só voltou a se...

>> Veja mais posts dessa autora

Setembro começou cheia de novidades. Rumbora ver?

Puma: Suede Creeper e Chinelo Fur Slide

Puma Suede Creeper – Fenty by Rihanna

 

acordei-disposta-creeper-camo-rihanna-fenty

Imagem: Divulgação

Dois produtos idealizados pela cantora Rihanna, diretora criativa da linha feminina da marca, que já são um sucesso na gringa acabaram de chegar no Brasil. Um deles, o Creeper, que agora vem em uma versão camuflada em tons terrosos e alaranjados, mal foi lançado aqui (por R$ 899,90) e já está esgotado no site!

Tênis Puma Suede Creeper Rihanna
Preço: R$ 899,90
Compre em: Puma

Puma Fur Slide Fenty by Rihanna

acordei-disposta-rihanna-slide-fenty

Imagem: Divulgação

Já o chinelo funny Puma Fur Slide é o terceiro produto lançado da coleção Fenty, da Rihanna com a Puma. Seguindo a moda dos slides (já falamos aqui no blog), a coleção inclui modelos para o público masculino e feminino e está disponível em três cores: rosa, branco e preto.

acordei-disposta-fenty-rihanna-slides

Imagem: Divulgação

Chinelo Puma Fur Slide Fenty
Preço: R$ 349,90
Compre em: Puma

Alto Giro: coleção verão 2017

acordei-disposta-alto-giro-verao-sabrina

Imagens: Divulgação

O inverno está acabando e já estamos de olho no verão. A Alto Giro, marca da Recco Co, lançou recentemente sua nova linha com mais de 180 peças, com campanha assinada por mais um ano por Sabrina Sato. Outras novidades são as mais de 160 roupas do segmento “beachwear” através da marca New Beach, que traz essa coleção assinada pela modelo e apresentadora Giovanna Ewbank.

acordei-disposta-alto-giro-verao-giovana

Imagens: Divulgação

Com estampas exclusivas, que variam do temático, do artístico a frases inspiradoras, as roupas de verão terão cores vivas e alegres. Os tecidos tecnológicos estão presentes em ambas as linhas, com peças que ajudam a estimular a circulação, reduzem a fadiga muscular, são antibactericidas e contam com proteção UV50+.

Mais no site Alto Giro

TomTom: TomTom Touch e TomTom Adventurer

TomTom Touch

acordei-disposta-relogio-monitor-pulseira-fitness-esportivo-tomtom-touch

A TomTom lançou seu primeiro monitor que combina a análise da composição corporal com diversas atividades, de sono e da frequência cardíaca durante todo o dia, diretamente no pulso. Ficamos muito curiosas, principalmente com a parte de medir os percentuais de massa muscular e gordura corporal, algo que até o momento estava disponível apenas por meio de balanças dedicadas ou tecnologias caras.
A pulseira monitora os passos, a duração do sono, a frequência cardíaca do dia todo, as calorias queimadas e também vem equipado com um modo ‘esporte’, para as atividades de corrida, ciclismo e ginástica. Completinho!

A previsão é que o novo produto chegue ao mercado brasileiro em outubro à partir de R$1.299,00.

TomTom Adventurer

acordei-disposta-relogio-monitor-cardiaco-esportivo-tomtom-adventurer

Outro lançamento da marca previsto para ainda este ano é o TomTom Adventurer, um relógio com GPS que já vem equipado com modos esportivos dedicados para várias atividades: caminhadas, corridas em trilhas, esqui e snowboarding. Como outros monitores da marca, o TomTom Adventurer possui um monitor de frequência cardíaca embutido no pulso. Possui também barômetro, bússola e detecção automática de saltos para esportes na neve. Agora, os usuários terão acesso a estatísticas em tempo real após cada descida pelas encostas. Ele também vem com rastreador GPS e exploração de rotas.

O TomTom Adventurer está previsto para chegar no Brasil no próximo mês de dezembro, a partir de R$ R$2.799,00 no combo com o GPS TomTom GO 50B.

ASICS: GEL-Kayano 23

acordei-disposta_gel_kayano_23__o_novo_lancamento_da_asics-1

Imagem: Divulgação

Você que está procurando um tênis com alto amortecimento para corridas de longas distâncias, dê um look no último lançamento dentro desta categoria: o GEL-Kayano 23, da ASICS. Com estabilidade aprimorada para maiores distâncias, o novo GEL-Kayano apresenta a atualização da tecnologia Guidance Line®, que consiste em um extenso corte ao longo da região do solado, que espalha a pressão durante cada movimento, distribuindo de forma mais completa a energia em cada parte dos pés. Isso além da placa de estabilidade Dynamic DuoMax em um novo ângulo garante maior sustentação às passadas e a tecnologia GEL®, estrategicamente posicionada nas partes dianteira e traseira do calçado para uma melhor absorção de impacto, permitindo uma distribuição central do peso e proporcionando mais amortecimento e equilíbrio.

 

acordei-disposta-asics-gel-kayano-23-feminino

ASICS Gel-Kayano 23 (feminino)

acordei-disposta-asics-gel-kayano-23-masculino

ASICS Gel-Kayano 23 (masculino)

Tênis: GEL-Kayano 23, ASICS
Preço médio: R$ 749,90
Compre em: Centauro, Netshoes e Dafiti

Nike: Roshe Two Flyknit

A linha Roshe ganha mais um item, o Roshe Two Flyknit. Conhecido por sua simplicidade, o novo Roshe foi reinventado com tiras brilhantes em malha que mudam de cor a cada movimento e camada tripla de amortecimento para proporcionar uma passada confortável e macia. É um tênis que possui amortecimento durável de tripla camada fornecendo tração e conforto sem adicionar peso. Além disso possui os famosos fios Flyknit woven (que sou fã), que integram áreas de alta respirabilidade, elasticidade e suporte onde você mais precisa, para um ajuste firme e adaptativo.

nike-roshe-two-flyknit-feminino

Nike Roshe Two Flyknit (feminino)

nike-roshe-two-flyknite-masculino

Nike Roshe Two Flyknit (masculino)

Tênis Roshe Two Flyknit, Nike
Preço: R$ 549,90
Compre em: Nike

 

Keds e Maria Brigadeiro

acordei-disposta-keds-maria-brigadeiro

Imagem: Divulgação

A Keds comemora um século (!!!) e escolheu a Maria Brigadeiro, o primeiro ateliê de brigadeiro gourmet do mundo para comemorar esta data tão especial.

A paixão pelo doce mais querido dos brasileiros a partir de agora está eternizada em uma peça divertida e de muito bom gosto. Eu curti pacas! hahaha
A edição limitada, disponível nas versões adulto e infantil, poderá ser encontrada nas lojas a partir deste mês.

Tênis: Champion Maria Brigadeiro
Preço: R$ 189,90 adulto / R$ 169,90 infantil
Compre em: Netshoes e Dafiti

Adidas: Jaqueta Z.N.E

_acordei-disposta-adidas-athletics-zne-4

Imagem: Divulgação

A Adidas acaba de lançar uma nova categoria de produto: Adidas Athletics, com peças desenhadas estrategicamente para reduzir as distrações e maximizar o foco durante o período de concentração ou quando estão a caminho dos jogos. A grande estrela é a Jaqueta Z.N.E (Zero Negative Energy/Zero Energia Negativa), que possui duas camadas laterais e frontais que reduzem as distrações externas e é grande o suficiente para acomodar os headphones usados pelos atletas antes das competições.

Já o design apresenta uma costura na manga, e não nos ombros, para que os atletas consigam se movimentar livremente, e dá um destaque para o estilo moderno com zíperes escondidos. Uma etiqueta interna traz uma mensagem motivacional para celebrar a força e foco mental dos atletas. Confeccionada em malha dupla espessa, ela tem gola alta e aberturas para os polegares para garantir maior cobertura. O capuz espaçoso com duas camadas evita distrações e mantém você focada.

_-acordei-disposta-adidas-athletics-zne-6

Imagem: Divulgação

_acordei-disposta-adidas-athletics-zne-1

Imagem: Divulgação

_acordei-disposta-adidas-athletics-zne-2

Imagem: Divulgação

_acordei-disposta-adidas-athletics-zne-3

Imagem: Divulgação

_acordei-disposta-adidas-athletics-zne-5

Imagem: Divulgação

PMDDS eu simplesmente estou capotada com tanta beleza em uma jaqueta! <3

Jaqueta Adidas Z.N.E
Preço: R$ 499,99
Compre em: Adidas

erica

36 anos, de São Paulo, gestora de moda. Filha de pai japonês e mãe nordestina (Pi), é paulistana de nascença, mas já morou em Manaus,...

>> Veja mais posts dessa autora

No último domingo eu participei da Corrida Vênus que é uma corrida feminina super famosa eu resolvi fazer um vlog pra mostrar um pouquinho pra vocês que nunca participaram como o clima dessa prova é contagiante.

Uma observação: eu vi algumas meninas comentando que o kit da prova estava pobrinho porque só tinha a camiseta e alguns panfletos. Porém a estrutura da corrida, o lanche pós-prova, a estrutura da arena, estava tudo perfeito. Na minha opinião, a Iguana (que é a organizadora da corrida) deixou todas as surpresas e brindes para as meninas aproveitarem no pós-prova e eu achei que eles acertaram em cheio porque o clima na arena era de uma grande festa.

Clica no vídeo para ver de perto como foi 🙂

juliana

35 anos, Paulistana de coração há 14 anos. Analista Financeiro, mãe de 2 lindezas. Já treinou Vôlei, Tae Kwon Do, tentou natação, judô, tem a...

>> Veja mais posts dessa autora
adolescente-praticando-atividade-física

Foto adolescentes felizes sentados na quadra de vôlei by Shutterstock

Eu e maridôncio fomos crianças/adolescentes ativos, sempre praticamos esportes. Eu (e minha irmã) incentivada pelo meu pai e maridôncio pelo fato de não conseguir parar quieto um minuto. Coincidentemente nós temos históricos muito parecidos quando falamos da nossa relação com o esporte, praticamos vários tipos de modalidade esportiva, nos afastamos do esporte quase no mesmo período e voltamos a ter uma vida ativa juntos, depois de alguns anos de casados.

Maridôncio sempre defendeu a importância das crianças/adolescentes praticarem esporte. Segundo ele crianças e adolescentes envolvidos com esportes são mais tranquilos, disciplinados e do dia. E não é que maridôncio está super certo?!

Foi aí que me veio a ideia de listar os principais ensinamentos que o esporte trás.

  1. Disciplina – o esporte ensina sobre horários e regras. Chega atrasado em um treino pra ver (em mais de um? Vixi…), tenta falar pro teu treinador que você não vai fazer aquilo, rá! E precisa ter disciplina para os treinos, atleta que não treina corretamente, com afinco, não chega a lugar nenhum. Mesmo o atleta amador ou aspirante a atleta.
  2. Respeito – é necessário ter respeito pelo colega de treino, pelo adversário e pelo treinador. Quando falamos de esportes coletivos isso é ainda mais importante (não que isso não seja nos esportes individuais), imagina em um treino de vôlei, um cara da equipe erra e você reclama ou xinga. Nada a ver, né?
  3. Hábitos saudáveis – o esporte ensina que uma alimentação desregrada atrapalha no rendimento e que uma noite mal dormida também. Quem acorda cerdo pra treinar, geralmente dorme cedo para estar bem no dia seguinte e assim vai. Adolescentes envolvidos com esportes possuem pouco envolvimento com álcool e baladas. Eles sabem que isso atrapalhará o rendimento dele. Crianças e adolescentes que praticam atividade física ficam menos tempo na frente da TV ou na frente de vídeo games, geralmente a vida acontece do lado de fora da sala de casa.
criança-esportes

Foto 2 crianças escalando aparelhos de ginástica by Shutterstock

No caso das crianças em específico (podemos enquadrar aqui crianças de até 12 anos) exigir performance é desaconselhável, o esporte vem em paralelo ao brincar na formação dessa criança como indivíduo justamente por trabalhar os 3 itens acima citados. É comum até os 12 anos as crianças trocarem o tipo de atividade física que praticam porque ainda estão escolhendo o que gostam mais ou porque simplesmente enjoam da modalidade. Eu não enxergo essa troca de modalidade como um problema, até pelo fato de que quem faz o que não gosta, não faz com amor. E amor e dedicação são fundamentais para obter destaque em algo que se faz.

Algumas escolas possuem alguns esportes no currículo como aulas complementares , geralmente a partir dos 2 anos de idade. A Rafa (que tem 4 anos), por exemplo, tem aula de judô, dança e capoeira. Essas atividades auxiliam na parte pedagógica e na parte do desenvolvimento motor. Mais do que isso não precisa, as aulas devem ser leves, uma grande brincadeira na verdade. Qualquer cobrança precoce desmotivará a criança para a prática da atividade física.

Um fator que acho extremamente relevante nessa “introdução ao esporte” que as crianças possuem nas aulas complementares é o fato delas poderem experimentar atividades diferentes e isso auxiliará na hora de escolher um esporte para se dedicar (caso isso aconteça). Eu, por exemplo, sempre fui preconceituosa com as aulas de balé (mais por questão de estereótipo da menina perfeita de tutu rosa do que pelo fato da atividade física em si), eu não queria que a Rafa gostasse daquilo (mesmo!) e dos 2 aos 3 anos ela amava. Eu respeitei essa fase e quando menos esperei ela passou. Pode ser que esse amor pelo balé volte? Pode ser, mas aí ela terá experimentado outras coisas. Coincidentemente, ontem eu desci com elas para brincar um pouco e ela disse que iria dar uma cambalhota. Quando ela rolou, eu ouvi um barulho forte no deck, perguntei se tinha machucado e ela mostrou que tinha batido as mãos no chão. Pois bem, ela estava dando um rolamento de judô daqueles que o professor ensina a bater a mão no tatame quando o quadril começa a encostar no tatame. Meus olhos brilharam ao ver ela fazendo o movimento de forma correta <3

família-praticando-atividade-física

Foto família fazendo atividade física – mãe e filha fazendo exercícios na praia by Shutterstock

Se eu crio expectativas em cima das minhas filhas para elas se tornarem atletas ou algo do tipo? Jamais. O meu papel e do pai delas é incentivar a prática da atividade física e da vida saudável. A melhor forma de fazer isso? Praticando. Então nós 2 praticamos atividade física regularmente, possuímos hábitos saudáveis, incentivamos o brincar livre e tentamos explicar de um jeito que a Rafa entenda a importância de irmos nos exercitar. E trabalharemos arduamente para fazê-las amar o esporte, não importa qual seja.

criança-atividade-física

Foto de uma menina com pose de Karatê no fundo branco by Shutterstock

Para finalizar o post gostaria de falar sobre as crianças “arteiras”. Manjam aquelas crianças danadas que não param quietas um minuto e não respeitam ninguém? Se por um acaso as minhas filhas caminharem para esse lado, eu as colocarei no judô. Na minha visão é um dos melhores esportes para ensinar sobre disciplina, respeito e regras.

E vocês, incentivam as crianças com as quais convivem a praticarem esporte?

juliana

35 anos, Paulistana de coração há 14 anos. Analista Financeiro, mãe de 2 lindezas. Já treinou Vôlei, Tae Kwon Do, tentou natação, judô, tem a...

>> Veja mais posts dessa autora