A primeira coisa é essa paródia MARAVILHOSA que a Maíra Medeiros fez e teve apoio de outras youtubers para fazer o vídeo:

MIGA, SUA LOUCA! :p

links-fev16a links-fev16b links-fev16c
  • Uma mega notícia no mundo dos brinquedos: a Barbie vai ganhar diversos biotipos! Chega da Barbie com corpo irreal, é hora das crianças aprenderem desde cedo a gostarem do corpo que tem. O texto da Paula no Grandes Mulheres está ótimo.
  • Se até a Mattel resolveu cair na real, o que as marcas de lingerie estão esperando? No FFW você pode ver a campanha da Lonely, uma marca neozelandesa, que celebra os diferentes corpos das mulheres. Coisa linda de se ver!
  • Qual a história do seu corpo? O que ser do jeito que é muda na sua vida? Qual o tamanho do orgulho que você tem das suas cicatrizes? Essa matéria da tpm mostra o que algumas mulheres pensam sobre o corpo delas.

ana

32 anos, do ABC Paulista, diretora de arte. Já nadou, jogou futebol, correu, praticou musculação… Mantém a disposição se alimentando bem e se mexendo regularmente.

>> Veja mais posts dessa autora

No mês passado respondi lá no meu blog pessoal uma tag falando quais são minhas 7 sensações favoritas. Foi difícil fazer a lista porque queria ter colocado muito mais coisa, então resolvi fazer uma lista só com as delícias que gosto de sentir após me mexer. Porque enquanto o exercício rola é gostoso, mas logo depois tem bastante coisa boa também. 😀

O suor que escorre

suando-pecador-igreja

Sou só eu ou você também PRECISA acabar o exercício sentindo suor escorrer por tudo quanto é lugar pra ter a sensação de que fez tudo direitinho? Quando vou pra academia e faço só um pouquinho de musculação e volto pra casa ainda cheirosa me sinto uma fraude. HAHAHA. Exercício bom, pra mim, é aquele que me deixa com pizza embaixo do braço, marca debaixo dos seios, a camiseta grudada no corpo… Quero é sentir o suor escorrendo no rosto, rapá!

Alongar

alongamento

Nunca fui muito de me alongar, mas aprendi a dar valor a isso quando tive problemas no joelho. Agora AMO me esticar toda depois, me ajuda a ir acalmando o ritmo e a relaxar. Faz tempo que não pego uma aula só de alongamento na academia, mas quero me organizar para fazer isso novamente pelo menos uma vez por semana porque faz muita diferença. Enquanto isso não rola, tenho me contentado com alguns aparelhos na academia e me esticado toda nas barras de alongamento ou em casa mesmo. Delícia!

Sentar ou deitar no chão

deitado-chao

Você se esforça, dá tudo de si e quando acaba senta ou deita no chão. Sério, essa é a melhor sensação possível! A perna e os braços estão lá, molengas de cansados e você se joga no chão, curte um momentinho para o batimento cardíaco acalmar, sente o calor/frio do chão… é impagável. Eu gosto de ficar deitada olhando pro céu, na grama do parque. Vale uma sentadinha no meio fio também, com aquele olhar pro nada, com a mente vazia (me grita se me encontrar por aí fazendo isso!).

Tirar o tênis

harrypotter-tirando-tenis

Não sei você, mas eu tenho um siricutico com o pé quente. Sinto muito calor nos pés, então a primeira coisa que faço ao chegar em casa toda suada é arrancar o tênis e as meias. Ando descalça um pouco, vou sentindo os pés esfriarem… até me acalma só de pensar em fazer isso (não que eu não esteja fazendo, tô digitando esse texto logo depois de ter tirado os tênis aqui no escritório. Hehehe).

Me estirar no sofá

lebowski-sofa

Essa confesso que sinto um nojinho só de pensar, mas que é bom não posso negar. Meu noivo tem essa mania e sempre que ele chega da academia dá uma sentadinha no sofá pra relaxar. Eu reclamo, digo que o sofá vai ficar sujo, mas dou uma andada pela casa e quando ele não presta atenção sento do lado dele pra fazer a mesma coisa. HAHAHA. #truques

Tomar água de coco geladinha

Na próxima toma uma natural, Ri-ri! :p

Na próxima toma uma natural, Ri-ri! :p

Gosto de ir correr no parque e, confesso, uma das melhores coisas em fazer isso, pra mim, é poder contar com a água de coco natural geladíssima que vou tomar no quiosque depois de correr. Gela até a alma!

Tomar banho

emma-stone-shower

Falei que gosto de sentir o suor escorrer, mas ODEIOOOOOOOO a sensação de grude quando ele seca. Me dá gastura! Hahaha. Então depois de descansar um pouco e relaxar, corro pro banho para tirar todo esse sal do corpo. Sair limpinha do banho é bom demais! <3

ana

32 anos, do ABC Paulista, diretora de arte. Já nadou, jogou futebol, correu, praticou musculação… Mantém a disposição se alimentando bem e se mexendo regularmente.

>> Veja mais posts dessa autora

Esse é um convite que eu tenho negado com frequência desde a W21K que aconteceu em outubro do ano passado, a primeira meia maratona que eu completei. E tem uma de gente que não faz ideia do motivo pelo qual tenho recusado tantos convite, pois bem, senta que lá vem história.

A corrida foi um esporte que entrou na minha vida por um acaso, me fez muito feliz, disposta e animada, mas nunca tive grandes planos para ela. O que eu mais curtia da corrida era o lance de estar na vibe de acordar cedo no domingo para encontrar com os amigos “naquela” prova. Não, péra! O grande lance da corrida para mim é o fato dela ser uma ótima aliada na perda de peso, essa é a grande verdade. Mas a vibe do domingo realmente aconteceu.

Em uma das minhas primeiras provas de rua

Em uma das minhas primeiras provas de rua

Na minha vida inteira de praticante de atividade física, sempre corri da corrida. Achava muito chato e monótono aquilo, afe. Mas quando encontrei na corrida a aliada dos sonhos para manter a pança em dia, passei a treinar com frequência. Muitas vezes deixava de fazer musculação para correr, tamanha paixão que eu estava pelos benefícios da corrida no meu bucho.

Aí apareceu a oportunidade de participar de uma meia maratona e eu resolvi topar porque estava encantadíssima pelo esforço e conquista da Japa – Erica – Girl na meia maratona do Rio. A verdade é que eu nunca tinha imaginado sair dos 5k, mas me empolguei e fui.

Olha, mal sabia eu que ao fazer a inscrição para a meia eu tinha aberto a porta da minha vida para tanta gente meter o bedelho. Se fosse ajuda do bem seria ótima, mas não era. Eu nem vou listar tudo o que aconteceu entre a inscrição e a prova de fato, mas tudo que poderia acontecer para atrapalhar os meus treinos e a minha prova aconteceu. TUDO! Mas tinhosa que sou, eu completaria essa meia nem que fosse arrastada. Não foi o que aconteceu, mesmo tendo que deixar minhas amigas irem na minha frente, completando a prova cheia de dor e em um tempo absurdamente alto (para alguns). E apesar de tudo, foi uma das melhores experiências com o esporte que já vivi.

Depois da meia eu não podia nem ouvir falar de corrida, eu tinha enjoos de verdade. Muita gente achou que eu tinha parado de correr por conta da fascite plantar, mas a verdade foi que eu dei uma parada na corrida porque fiquei de saco cheio de tanta cagação de regra. Socorro, migs, vocês não fazem uma ideia de como tem um povo chato pra cacete por aí.

Em um dos primeiros posts aqui do Acordei Disposta, a Carô fala sobre esse lance de fôrma. Carô falou com o jeitinho fofo dela de ser e agora vou ressaltar com meu jeitinho “bazuca” de ser: quem corre e anda por 21 km é meia maratonista sim, quem corre e anda por 42 km é maratonista sim, quem corre e anda por 100 km é ultra sim, senhor. Aqui nessa birosca ninguém está preocupado com seu tempo, nós estamos interessadas e dispostas a vermos vocês praticando uma atividade física com frequência e que te dê prazer. Fim!

De outubro pra cá tive a oportunidade de conhecer 2 pessoas que me dão muito orgulho, no maior esquema “quero ser assim quando eu crescer”: Aline e Michele. A Aline conheci durante a meia, um amorrrrrrrr, fez uma parte da corrida comigo, Eri e Carô. Até que ela deu uma disparada e deixou nós 3 para trás. Mesmo assim, quando ela cruzava comigo, ela me chamava para dar um empurrãozinho. Ah, e Aline está treinando para uma ultramaratona. Desculpa, gente. A Michele conheci há 2 semana, no treino #NTC da Nike. A Japa já a conhecia e fomos conversar sobre o Desafio do Dunga que ela completou em janeiro (para quem não sabe, o desafio consiste em completar provas diárias de 5k, 10k, 21k e 42k). O Desafio do Dunga é aquela coisa que a pessoa já merece parabéns por pensar em fazê-lo um dia, pois a Michele completou os 42K em 7 horas. SETE horas!!!! Essa mulher merece medalha dobrada. Vocês fazem uma ideia do que é passar 7 horas lutando com a cabeça para não desistir do seu objetivo? FAZEM UMA IDEIA???!!! Michele, parabéns de novo por sua garra.

Aline e Michele, respectivamente. Minhas "ídolas"

Aline e Michele, respectivamente. Minhas “ídolas”

Entenderam porque não gostamos de formas? Padrões fazem com que mulheres dedicadas passem desapercebidas. Fora da “elite” dos esportes, tem muita elite também.

Ah, e sobre a minha relação com a corrida, gostaria de dizer que demos um tempo, mas não é definitivo. Até porque minha pança clama por uma corridinha. Será que nos veremos em breve? 😉

 

juliana

35 anos, Paulistana de coração há 14 anos. Analista Financeiro, mãe de 2 lindezas. Já treinou Vôlei, Tae Kwon Do, tentou natação, judô, tem a...

>> Veja mais posts dessa autora

Ói nóis aqui com mais dica! 😀

Fotos: Variedades de nuts, Bananas e Xícara de chá com canela, todas por Shutterstock.

Fotos: Variedades de nuts, Bananas e Xícara de chá com canela, todas por Shutterstock.

Hoje viemos dar três dicas que usamos MUITO, praticamente todo dia e que são simplinhas e dão uma boa ajuda para ter uma vida mais saudável. Ficou curiosa? Dá o play:

ana

32 anos, do ABC Paulista, diretora de arte. Já nadou, jogou futebol, correu, praticou musculação… Mantém a disposição se alimentando bem e se mexendo regularmente.

>> Veja mais posts dessa autora

O Nike Air Pegasus é um modelo que dispensa maiores apresentações. Lançado em 1983, o Pegasus (nome inspirado no cavalo alado da mitologia grega), é o tênis para corrida mais vendido da marca. A tecnologia ‘Air’ foi incorporada no ano seguinte.

acordei-disposta-nike-pegasus

Modelo 31 e modelo 32 (à direita)

Quando recebemos o Air Zoom Pegasus 32 no finalzão do ano passado, fiquei doooooidaaa pra testar. Mas só pude rodar com ele quando voltei das férias, na segunda quinzena de janeiro. Então tem praticamente 1 mês que tenho corrido só com ele para dar minhas impressões.

O que a marca diz:

FA15_RN_Pegasus32_W_029_hd_1600

Nike Air Zoom Pegasus 32 (imagem: Divulgação)

“O Tênis de Corrida Feminino Nike Air Zoom Pegasus 32 atualiza um clássico com tecnologia Flywire e antepé contornado para sensação de encaixe perfeito e transição suave. O cabedal em Mesh leve e amortecimento premium oferecem respirabilidade e conforto do início ao fim.
É o modelo ideal para corredores que buscam o calçado para treino diário. A cápsula de Zoom Air no calcanhar ajuda na resposta rápida do impacto dando mais velocidade. Indicado para neutros e supinados.”

Outras Informações:

  • Design: Visualmente falando, nota-se uma grande diferença no design lateral do cabedal (a parte superior, o “corpo” do calçado). Enquanto na versão anterior, a parte externa lateral era protegida por uma espécie de tela, na versão atual ela foi substituída por cabos ‘Dynamic Flywire‘, que são esses fios cruzados da foto. Outra diferença notável está na cartela de cores, que está num tom bem mais suave do que a versão flúo da anterior.
  • Conforto: o cabedal é revestido em Mesh Inteligente, que são fibras em malha com tramas bem abertinhas que proporcionam maior ventilação. Quando peguei o tênis pela primeira vez, imaginei que meu pé fosse cozinhar por dentro. Mas foi só impressão, viu? E olha que usei nos dias mais quentes desse início de ano (inclusive no carnaval). Além disso, o Pegasus 32 é um tênis que “abraça” o pé como uma luva, isso graças ao forro interno com reforço acolchoado no colarinho do calcanhar + Flywire (os tais fios que vou explicar mais abaixo). Não rola um sambão, como alguns tênis mais brutos que conhecemos.
    ​A p​almilha​ é em ​EVA ​anatômica e removível​.
FA15_RN_Pegasus32_W_Outsole_034_hd_1600

Solado (imagem: Divulgação)

  • Tecnologia e Amortecimento:
    • Dynamic Flywire‘: que são fios de alta resistência, que envolvem estrategicamente o mediopé  trazendo maior ajuste, estabilidade e suporte. Antes que você me pergunte se realmente são resistentes…sim, eu puxei bem “o trem” antes pra te dar essa informação. kkkkkk
    • Zoom Air: localizada no calcanhar, oferece maior estabilidade e proporciona um amortecimento ultraresponsivo para velocidades máximas e movimentos rápidos.
    • O trilho lateral do solado ajuda a dar maior estabilidade na passada. 
    • O solado Waffe de borracha com suporte lateral para tração, durabilidade e transição suave. Possui cortes mais profundos e curvatura no antepé para flexibilidade e ótima resposta.
  • Custo x Benefício: o preço varia entre R$ 359,99 e R$ 449,90. Considerando o modelo (muito querido por corredores), conforto, beleza, durabilidade e resposta nas passadas é um ótimo custo benefício.

Minha opinião sobre o tênis

resenha-pegasus-acordei-disposta

Pronta pra correr (Imagem: Julio Perfeito)

Eu sou fã do modelo por ser um dos pouquíssimos que não há a necessidade de fazer um “ritual de iniciação”. rs
Brincadeiras à parte…meus pés são bem sensíveis. São mais de três anos de muita corrida e até hoje meus pezitos são cheios de frescura. O ritual consiste em muitos cremes, esparadrapos anti calos e meias compridinhas para não correr o risco de escorregar e ganhar lindas bolhas. rs O Pegasus ganhou pontos comigo porque com ele, é só calçar e começar a correr sem medo de me machucar.
Além disso, ele é um tênis que não causa uma sensação que os pés estão “cozinhando”, tem uma boa estabilidade e praticamente esqueço dele durante o treino (é a intenção, não?). Por causa do meu joelho “bichado”, não tenho segurança usá-lo em uma distância acima de 15k. Sinto que preciso de um tênis com maior amortecimento, saca? Mas sei de pessoas que correram Meia Maratona e até Maratona com ele.
O Pegasus é um tênis que não poupo elogios, a versão anterior (31) está no rol dos meus tênis preferidos pra correr. Este está concorrendo fortemente à vaga. <3

pegasus-32-modelos-acordei-disposta

Outras Cores (imagem: divulgação)

FICHA:

Modelo: Air Zoom Pegasus 32
Marca: Nike
Indicação: Corrida
Terreno: Asfalto, Esteira
Pisada: Neutra, Supinada
Tecnologia: FlyWire, Zoom Air
Peso: 200 g – Tam 36 (O peso varia de acordo com a numeração)
Preço Sugerido: R$ 359,99 (Centauro), R$ 449,90 (Nike)
Compre Online: Nike, Centauro. * Preços pesquisados no dia 16/02/2016.

AD-disclaimer-produto-presente

erica

36 anos, de São Paulo, gestora de moda. Filha de pai japonês e mãe nordestina (Pi), é paulistana de nascença, mas já morou em Manaus,...

>> Veja mais posts dessa autora

Asics: GEL-Quantum 360

ASICS-QUANTUM360-LANCAMENTO

Com amortecimento em gel por todo o solado, este modelo é para aqueles que, como eu, precisam e gostam de bastante amortecimento durante a corrida. O cabedal é feito em FluidFit, para proporcionar mais flexibilidade e conforto. Tem drop de 10mm, pesa em torno de 281g e é indicado para corredores neutro-supinados ou levemente pronados. Ainda não encontrei à venda, mas a promessa é de que chegue às lojas ainda este mês.

NIKE: Metcon II

nike-metcon2

Este tênis foi criado para ser usado em treinos funcionais de alta intensidade. A ideia é que ele ofereça flexibilidade aos pés durante a realização dos movimentos e seja estável e forte. Tem perfil baixo, solado em borracha e entressola firme e flexível.

Oakley: Linha Rio 2016

oakley-rio2016

A Oakley se juntou ao Comitê Organizador dos Jogos Rio 2016 e lançou uma linha de óculos inspirada nos esportes Olímpicos e Paralímpicos e na paisagem do Rio de Janeiro. São três modelos e todos vem com uma microbag de presente.
– 01 – Flak 2.0: que é uma releitura do modelo Flak XL. Ele tem um tamanho padrão de armação, com a lente cobrindo cada milímetro da visão periférica. Tem design leve e durável.
– 02 – Sliver: tem visual de titânio e promete conforto com a resistência do material NanOmatter™.
– 03 – Crosslink: os quatro-olhos piram sempre que tem lançamento de armação de grau para esportes, né? Eu sei que eu piro. Hehe. Ele é feito em NanOmatter™, tem revestimento mais elevado do que as armações tradicionais e tem uma cobertura que promete aderir melhor ao rosto de um jeito confortável.

 

adidas: PureBoost X

pureboostx-lancamento-foto

O PureBOOST X foi desenvolvido por uma equipe feminina, pensando exclusivamente nas necessidades das mulheres ao correr. O desempenho contou muito, mas a beleza e a vontade da mulher de ter um tênis mais fashion para correr também foi levada em conta. O solado tem cápsulas de espuma BOOST™, cabedal em stretch mesh que abraça a parte central inferior do pé fazendo com que ele pareça menor (!!) e terá duas versões especiais adidas by Stella McCartney. O modelo chega às lojas no início de março e ainda não teve seu valor divulgado, mas eu já estou aqui curiosíssima para colocar um desses no pé.

ana

32 anos, do ABC Paulista, diretora de arte. Já nadou, jogou futebol, correu, praticou musculação… Mantém a disposição se alimentando bem e se mexendo regularmente.

>> Veja mais posts dessa autora